terça-feira, 27 de julho de 2010

Exposição Fotográfica - Vidago, Passado e Presente

Entrevista concedida à agência Lusa pelos autores Augusto Oliveira e Júlio Silva:

Número de Documento: 11332133

Chaves, Portugal 24/07/2010 09:19 (LUSA)
Temas: Artes, Cultura e entretenimento
Chaves, 24 Jul (Lusa) – O antes e o agora é o mote para a exposição “Vidago, Passado e Presente”, que será inaugurada a 25 de Julho, na Galeria de Arte “Maria Priscila” da Casa de Cultura de Vidago, concelho de Chaves.

“Esta exposição é uma espécie de descubra as diferenças”, revelou à Agência Lusa um dos autores da mostra, Júlio Silva.

“Vidago, Passado e Presente” pretende reavivar a memória das pessoas e mostrar as diferenças existentes do antes e do agora das mesmas praças, igrejas, ruas, largos e edifícios.

Composta por 102 fotografias do património passado e presente da vila vidaguense, a exposição “apresenta, através da imagem, aquilo que foi Vidago e aquilo que é nos nossos dias”, disse outro autor da exposição, Augusto Oliveira.
A história da vila de Vidago, conhecida pelas águas termais, é contada a partir de fotografias antigas e atuais “revelando outras leituras sobre a biografia da vila”, referiu Augusto Oliveira.

Para Júlio Silva a exposição quer mostrar “à população, emigrantes e visitantes a vila antiga”, salientando um aspecto curioso “é que o autor com mais idade tratou do presente e o mais novo do passado”.

Segundo Augusto Oliveira a exposição “recorda parte da infância e da adolescência”, acreditando que “os mais idosos irão reviver com intensidade algumas das imagens expostas”.

As fotografias não mentem, por isso, “oferecem a possibilidade de reflectir sobre o passado e sobre o que não deveria voltar a acontecer”, disseram os autores.

A exposição fotográfica “Vidago, Passado e Presente” é inaugurada às 20:30 e estará patente ao público até 6 de Agosto, de segunda a sexta-feira, das 20:30 às 22:00, e ao fim de semana, das 15:00 às 17:00, sendo a entrada livre.
A mostra fotográfica conta com o apoio da junta de freguesia de Vidago, da Associação “Chaves Viva” e do blog “Meu Vidago”.
SYF
*** Este texto foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico ***
Lusa/fim

1 comentário:

Maria Oliveira disse...

Parabéns por mais esta iniciativa!
Como gostava de estar aí!

Nazaré Oliveira